sexta-feira, 14 de março de 2008

tessitura

Segundo o velho e bom Houaiss, tessitura tem a ver com tecido, com música, mas tem a ver com texto também. Já emaranhado significa confusão, mistura desordenada. Pensar numa composição musical, tapeceira ou mesmo textual que represente esse caos e aí, assim também, a beleza do caos, é minha principal intenção ao criar este blog. Por isso essa belezura de nome: .tessitura emaranhada.
Sempre achei esse gênero (blog) meio cafona, por causa dos resquícios do seu surgimento, uma tal versão "moderna" dos diários (só que com interlocutores outros).
No entanto, como é a vida de um gênero discursivo, né... Agora o blog ganhou status não de gênero, mas de veículo e hoje publica toda sorte de coisas. De textos produzidos por pessoas anônimas que se arriscam na subliteratura a jornalistas rebeldes expulsos de jornais; de adolescentes exercitando xeUxX koDigux a pessoas interessadas em sexo (e como as há por aí).
Confesso que não tenho muitas expectativas quanto a este veículo, mas vou postar aqui o que me der na telha. Textos meus, textos dos outros, textos recebidos da internet sem autoria ou com autoria trocada, imagens que considero interessantes, links para vídeos, sites, comunidades... O que me der vontade.
Vou divulgar isso em sala de aula, quem sabe meus alunos não passam a se interessar por algum tipo de leitura? Como diria um dos meus mestres, professor Giuseppe Bertazzo, "erudição é cultura inútil"; e vice-versa, penso eu.
Boa tessitura: leitura e diversão pra você.

2 comentários:

Jéh.*~ disse...

aaaah, guguinha!
é ótimo te ter aqui nessas vias!
:}
pena que esse meu ano anda meio conturbador...
mãas darei um jeito de te visitar.

abração.

*:

Marcelo disse...

Ê Guga!
Sempre uma surpresa. Adorei o nome do blog - e o blog. E NÃO, não é difícil entender o que "tessitura" significa, mas, ao mesmo tempo, é impossível saber, pois é um conceito pra lá de abrangente - o quê nesse universo não é texto?? Você ainda põe um "emaranhado", só pra "emaranhar" mais as coisas.
Afinal, coisa boa é coisa surpreendente e de senso "incomum" e, não podia ser diferente vindo de você, sua "tessitura" é uma surpresa e, mesmo você achando que não, acho que esse blog é uma dentro, pois é, na minha opinião, a melhor via para comunicação e publicação "semi-formal" efetiva: sem frescuras, tempo, obrigações, etc., além de haver um interlocutor ativo na composição do blog, através dos comentários in-blog e off-blog.
Abraços! Continue sendo essa pessoa incrível e fazendo coisas incríveis, sempre surpreendendo.